Houve uma falha no carregamento do site, clique em recarregar para acessar.

Frases de Jorge Luis Borges

Deixe que os outros se orgulhem do número de páginas que escreveram. Eu prefiro me gabar das que eu li.

Desconhecemos os desígnios do universo, mas sabemos que raciocinar com lucidez e agir com justiça é ajudar esses desígnios, que não nos serão revelados.

Felizes os valentes, os que aceitam com mesmo ânimo a derrota ou os aplausos.

Quando nossas ideias se chocam com a realidade, o que tem de ser revisado são as ideias

A velhice pode ser o nosso tempo de ventura. O animal está morto, ou quase morto. Restam o homem e a alma.

A dúvida é um dos nomes da inteligência.

Há derrotas que têm mais dignidade do que a própria vitória.

Somos nossa memória, somos esse quimérico museu de formas inconstantes, esse montão de espelhos rompidos.

Que teia é esta, a do será, do é ou do foi?

O que é o céu se não um suborno, e o que é o inferno se não uma ameaça?

A democracia é um erro estatístico, porque na democracia decide a maioria e a maioria é formada de imbecis.

Que outros se jactem das páginas que tem escrito; me orgulho as que tem lido.

No passado cometi o maior pecado que um homem pode cometer: não fui feliz.

A única coisa sem mistério é a felicidade, porque ela se justifica por si só

O passado é indestrutível, e cedo ou tarde, ele retorna.

Penso que as Palavras essenciais que me expressam se encontram nessas folhas que nem sabem quem sou.

O dever de todas as coisas é ser uma felicidade.

A amizade entre homem e mulher, mesmo que inconscientemente, é sempre um pouco erótica.

Sou um homem de letras, nada mais. Não estou certo de ter pensado nada de original em minha vida. Sou um fazedor de sonhos.

O livro é uma das possibilidades de felicidade de que dispomos.

Entre na sua conta Frases