Houve uma falha no carregamento do site, clique em recarregar para acessar.

Frases de Franz Kafka

A ideia da extensão e da plenitude infinitas do cosmo é o resultado da mistura levada ao extremo da criação laboriosa e da livre autorreflexão.

Só aqui o sofrimento é sofrimento. Não como se aqueles que aqui sofrem devam ascender a outro lugar em função desse sofrimento, mas no sentido de que aquilo que neste mundo se chama sofrimento, em outro mundo, inalterado e tão-somente libertado do seu oposto, é êxtase.

O pecado sempre chega abertamente e pode ser captado logo pelos sentidos. Ele vai às raízes destes e não precisa de ser arrancado.

Pode haver um conhecimento do que é diabólico, mas nenhuma fé nele, pois, mais diabólico do que está aí presente, não existe.

«Mas depois ele voltou ao trabalho como se nada tivesse acontecido». Essa é uma observação que nos é familiar de uma profusão de velhas histórias, muito embora talvez não tenha acontecido em nenhuma delas.

Todos são muito amáveis com A., como quando se procura proteger cuidadosamente uma excelente mesa de bilhar, mesmo de bons jogadores – pelo menos até ao momento em que chega o grande jogador, que examina com precisão a superfície, não tolera nenhum erro precipitado, mas depois, quando ele próprio começa a jogar, tem o mais brutal acesso de fúria.

A sua resposta à afirmação de que talvez tivesse posses, mas não existência, foi apenas tremor e taquicardia.

Não se pode pagar o mal às prestações – e, no entanto, as pessoas tentam isso sem parar. Seria concebível que Alexandre, o Grande, a despeito dos êxitos guerreiros da sua juventude, do excelente exército que formou, das forças que sentia dentro de si para mudar o mundo, tivesse estacado às margens do Helesponto e jamais o tivesse atravessado, na verdade não por medo, indecisão ou falta de energia, mas por causa da força da gravidade.

Só alusivamente é que a linguagem pode ser usada para tudo o que está fora do mundo dos sentidos, mas nunca comparativamente, nem mesmo de forma aproximada, uma vez que ela só trata, correspondendo ao mundo sensorial, da propriedade e das suas relações.

A palavra ser (sein) significa duas coisas em alemão: estar aí (Dasein) e pertencer-lhe (Ihm gehoren).

Um degrau de escada que não foi desgastado a fundo é, do seu próprio ponto de vista, apenas algo de madeira montado no ermo.

mesmo. Resta só a pergunta sobre se o primeiro deles é possível.

Quem renuncia ao mundo tem de amar todos os seres humanos, pois também renuncia ao mundo deles. A partir daí começa a pressentir a verdadeira essência humana, que não é outra coisa senão poder ser amado, pressupondo-se que esteja à altura disso.

Compreender a felicidade de que o solo sobre o qual tu te manténs não pode ser maior que os dois pés que o cobrem.

Tu és a lição de casa. Por todos os lados, nenhum aluno.

O animal arranca o chicote das mãos do dono e chicoteia-se a si mesmo, sem saber que isso é apenas uma fantasia produzida por um novo nó na correia.

Como é possível alguém alegrar-se com o mundo, a não ser quando se refugia nele?

Os mártires não subestimam o corpo, deixam que ele seja erguido na cruz, e nisso estão de acordo com os antagonistas.

Em certo sentido o bem não tem consolo.

«A» é um virtuose, e o céu, sua testemunha.

Entre na sua conta Frases