Houve uma falha no carregamento do site, clique em recarregar para acessar.

Frases de Adélia Prado

Uma necessidade cósmica nos protege.

É verdade, experimento o ruim e acho que o mundo desabou.

Sofro por causa do meu espírito de colecionador-arqueólogo. Quero pôr o bonito numa caixa com chave para abrir de vez em quando e olhar.

Às vezes acho que nasci na década errada. Tenho princípios que já se perderam e amo coisas que já não se dá mais valor.

“Pior que medo de alma do outro mundo é o medo da alma do mundo do outro”

Eu quero depois, quando viver de novo, a ressurreição e a vida escamoteando o tempo dividido, eu quero o tempo inteiro.

Quem carrega o mar nos seus limites tem carinho com o mar.

Aqui se passa fome, aqui se odeia, aqui se é feliz, no meio de invenções miraculosas.

Então eu virei pra ela e falei assim: ah, nada, boba, também é assim, se der, bem, se não der, amém, toca pra frente.

Preciso mentir um pouco para que o ritmo aconteça e eu própria entenda o discurso.

Ama e nem sabe mais o que ama.

Um corpo quer outro corpo, uma alma quer outra alma e seu corpo. Este excesso de realidade me confunde.

Quanto a mim, dou graças pelo que agora sei e, mais que perdoo, eu amo.

O amor usa o correio, o correio trapaceia, a carta não chega, o amor fica sem saber se é ou não é.

Para o desejo do meu coração, o mar é uma gota.

Beleza não é luxo. É uma necessidade!

Não me falou em amor. Essa palavra de luxo.

Era raiva não. Era marca de dor.

Mulher é desdobrável. Eu sou.

Se pudesse, hoje, varria, isso mesmo, varria as pessoas todas com vassoura, como se fossem ciscos.

Entre na sua conta Frases